99 tem sistema que identifica possíveis ocorrências de assédio

Com o aumento da violência relacionada a motoristas de aplicativo, a empresa desenvolveu uma ferramenta para reconhecer incidentes

Não deveria ser uma prática comum, mas infelizmente os casos de assédio contra clientes têm se tornado recorrente por parte de motoristas de aplicativos de transporte urbano. Para evitar isso, a 99, da chinesa DiDi Chuxing, lançou um rastreador de comentários que identifica denúncias na plataforma.

A medida é muito bem-vinda, já que os casos de violência têm aumentado ano a ano. Em 2017, por exemplo, a Uber foi acusada de compartilhar os registros médicos de uma mulher estuprada por um motorista. Já a 99 teve de lidar, em 2018, com dois assassinatos cometidos por motoristas cadastrados em seu sistema na China.

Para identificar ocorrências mais rapidamente, a ferramenta da 99 lê os comentários deixados pelos clientes após as corridas para encontrar palavras e contextos que indiquem possíveis situações de assédio. Depois, as mensagens são analisadas por uma equipe para que sejam tomadas as providências necessárias, que pode ser o bloqueio do motorista no app e até encaminhamento do caso para a polícia.

Além do app, a empresa recebe denúncias por um canal específico para incidentes de segurança: o 0800-888-8999. Os atendentes podem recomendar centros de ajuda em diversas cidades, até com assistência jurídica e psicológica. Se o assédio for feito a mulheres, o atendimento é exclusivamente feminino.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ