Busca

Apenas em Carros e Tecnologia Em todo o site

Volkswagen lança Iniciativa de Mobilidade Inclusiva. Confira o vídeo

O objetivo do trabalho não é apenas lançar carros autônomos adaptados, mas conceitos que ajudem os produtos a incluírem usuários excluídos até então

A Volkswagen divulgou nesta semana sua Iniciativa de Mobilidade Inclusiva, que vê a montadora trabalhando diretamente com grupos externos para garantir que seus futuros veículos sejam capazes de atender pessoas com deficiências.

"Tem havido muita conversa sobre o que os veículos autônomos fornecerão, mas para que esse potencial seja utilizado, as montadoras precisarão envolver a comunidade de deficientes diretamente no design e na funcionalidade desses veículos", disse Carol Tyson, representante de assuntos governamentais do Fundo para Educação e Defesa dos Direitos dos Deficientes (DREDF), em um comunicado. "É por isso que estamos tão encorajados a trabalhar com o Grupo Volkswagen desde o início. Pela primeira vez, um fabricante de automóveis reuniu as pessoas para começar a lidar com a miríade de desafios de design, técnicos, segurança e equidade que precisarão ser superados".

Além do DREDF, a VW Inclusive Mobility está trabalhando com a Federação Nacional para Cegos, a Associação Nacional dos Surdos e outros grupos. O processo ainda está no início. Neste momento, estão sendo realizadas apenas entrevistas com especialistas e usuários, mas as informações obtidas orientarão diretamente o Grupo Volkswagen para a projeção e a construção dos futuros esforços em prol da mobilidade.

Em um comunicado divulgado hoje, a Volks informou que uma recente reunião do grupo foi focada na "necessidade de criar padrões globais de segurança para cadeiras de rodas em veículos autônomos". Muitos dos veículos autônomos com teto alto e portas grandes, como o Sedric, da VW, podem ser vistos como conceitos extremamente importantes para pessoas em cadeiras de rodas — que podem ter problemas para entrar em um veículo mais “convencional”. O design certo para o usuário certo pode ser revolucionário.

Outras montadoras, no entanto, já colaboraram de forma diferente. No caso da Jaguar Land Rover, a empresa projetou o "ruído" de baixa velocidade para seu SUV elétrico, o I-Pace , em conjunto com a instituição de caridade britânica Cães Guia para Cegos. O resultado foi a criação de perfil sonoro que se mostrou eficaz para sinalizar deficientes visuais de quando eles estão muito próximos de um veículo elétrico em movimento.





Primeiro carro elétrico a receber prêmio de segurança
Carro elétrico recebe prêmio de segurança máxima pela primeira vez
A primeira moto elétrica da Harley-Davidson
CET testa tecnologia de fiscalização de Zona Azul em São Paulo
99 testa viagens com carros elétricos em Curitiba
Carro da Tesla explode depois de colidir com caminhão
Novo Chevrolet Cruze Premier possui Wi-Fi nativo a bordo
Carros autônomos começam a operar em Nova York
Veículos autônomos chegam à cidade de Nova York
Hyundai mostra primeiro carro com painel solar no teto
Japão realiza teste com carro voador
Pesquisadores da USP vencem desafio internacional de carros autônomos
Carros autônomos hackeados causariam cenário caótico, diz pesquisa
Câmera de vigilância de um Tesla Model 3 grava homem arrombando carro
Amazon vai entregar pedidos no porta-malas de carros da Honda
Tesla vai consertar falha de funcionamento do 'Dog Mode'
Ônibus autônomo vai circular em Brasília ainda este ano
Carros elétricos vão gerar novos empregos
Estacionamento autônomo deve aposentar manobristas no futuro
Ônibus autônomo atinge pedestre durante teste na Áustria
Empresa cria menor dispositivo Lidar do mercado
Evija é o primeiro hipercarro 100% elétrico da Lotus
Inteligência Artificial sabe quando motorista quer música ou ar frio
Radares a laser mais baratos
Inteligência artificial pode preservar baterias de carros elétricos
Mercedes vai lançar SUV elétrico no Brasil em 2020