Busca

Apenas em Carros e Tecnologia Em todo o site

Divisão de carros autônomos da General Motors ganha investimento de mais de US$ 1 bilhão

A GM quer lançar os carros sem motorista, volante ou pedais até o fim deste ano.

A Cruise, divisão de carros autônomos da General Motors anunciou na última terça-feira (07/5) que conseguiu um investimento de US $1,15 bilhão para o desenvolvimento de seus modelos, elevando seu valor de mercado para US $19 bilhões. O dinheiro foi levantado a partir de um "grupo composto por investidores institucionais, incluindo fundos e contas assessorados pela T. Rowe Price Associates, Inc., e os atuais parceiros da General Motors, SoftBank Vision Fund e Honda", disse a companhia em um comunicado.

A obtenção do investimento é outro grande passo para a GM Cruise. Em maio passado, a empresa já havia anunciado um investimento de US $2,5 bilhões da SoftBank Vision Fund. Em outubro, a GM disse que iria se juntar a Honda para produzir um carro autônomo. A montadora japonesa disse que dedicaria US $ 2 bilhões ao esforço ao longo de 12 anos, incluindo um investimento de capital de US$ 750 milhões na divisão.

A GM adquiriu a Cruise por US $1 bilhão para impulsionar o desenvolvimento de seus veículos autônomos. A empresa afirmou que, até o fim deste ano, planeja lançar seus primeiros carros sem motorista, sem volante ou pedais, para uso comercial.

Ao comprometer-se a lançar carros-robôs, a empresa busca se atualizar no mercado e alcançar os concorrentes da área. A Ford já havia comentado que construirá um carro autônomo sem um volante ou pedais até 2021, enquanto a Waymo já lançou seu primeiro serviço comercial de robôs-taxi em Phoenix.

Houve uma enxurrada de parcerias e investimentos em torno de carros autônomos em 2016 e 2017, mas essa movimentação desacelerou (com o perdão do trocadilho) consideravelmente, levando alguns críticos a afirmar que a tecnologia agora se encontra no 'vale da desilusão'.

Porém, parece que algumas empresas ainda conseguem dobrar essa crise e continuar fechando grandes investimentos, como é o caso da GM. A Toyota também se encaixa nessa categoria, ao fechar uma parceria de US$500 milhões com a Uber. 





Hyundai apresenta carro-conceito elétrico inspirado em modelo de 1970
Primeiro carro elétrico a receber prêmio de segurança
Carro elétrico recebe prêmio de segurança máxima pela primeira vez
A primeira moto elétrica da Harley-Davidson
CET testa tecnologia de fiscalização de Zona Azul em São Paulo
99 testa viagens com carros elétricos em Curitiba
Carro da Tesla explode depois de colidir com caminhão
Novo Chevrolet Cruze Premier possui Wi-Fi nativo a bordo
Carros autônomos começam a operar em Nova York
Veículos autônomos chegam à cidade de Nova York
Hyundai mostra primeiro carro com painel solar no teto
Japão realiza teste com carro voador
Pesquisadores da USP vencem desafio internacional de carros autônomos
Carros autônomos hackeados causariam cenário caótico, diz pesquisa
Câmera de vigilância de um Tesla Model 3 grava homem arrombando carro
Amazon vai entregar pedidos no porta-malas de carros da Honda
Tesla vai consertar falha de funcionamento do 'Dog Mode'
Ônibus autônomo vai circular em Brasília ainda este ano
Carros elétricos vão gerar novos empregos
Estacionamento autônomo deve aposentar manobristas no futuro
Ônibus autônomo atinge pedestre durante teste na Áustria
Empresa cria menor dispositivo Lidar do mercado
Evija é o primeiro hipercarro 100% elétrico da Lotus
Inteligência Artificial sabe quando motorista quer música ou ar frio
Radares a laser mais baratos
Inteligência artificial pode preservar baterias de carros elétricos